Revista Galaxy: Entrevista com a Manu Gavassi.

28 fevereiro 2014

Entrevista com a Manu Gavassi.

Cantora comemora sucesso de "Clichê Adolescente" e papel ao lado de Ronny Kriwat na novela "Em Família".



O ano de 2014 tem tudo para ser da cantora e atriz Manu Gavassi, ela que lutou muito para conquistar o seu sucesso, hoje bomba nas rádios e na televisão, como a personagem Paulinha, na novela "Em Família". Lançou seu segundo CD“Clichê Adolescente”, em agosto do ano passado e conta um pouco para a gente sobre amor, o amadurecimento e sua música.


1. O que é música para você?

(MANU) - Então, para mim música é uma forma de se expressar, de mostrar como você se sente, e o que você tem a dizer. 

2. Como você está se sentindo lançando seu segundo CD, se sentiu mais responsável?

(MANU)Com certeza, para mim os dois projetos foram algo totalmente diferentes, no primeiro eu era muito nova, era minha primeira experiência com a música profissionalmente, a primeira vez que eu entraria em um estúdio, então eu me preocupei em entregar as letras das músicas para o Rick e cantar naquele estúdio gigante, era tudo a realização de um sonho, e acabei não participando muito do projeto do primeiro CD, agora no segundo foi completamente diferente, porque eu queria ter propriedade de tudo aquilo que eu estava fazendo, então foi tudo eu, convidei meu guitarrista o Fernando Prado para produzir esse CD junto comigo, e nós ficamos um ano trabalhando nisso, fazendo as modificações nescessárias, então eu tive um tempo longo para entender a cara que eu queria para esse CD e para aprender como fazer tudo direito. Enfim, eu participei de tudo, desde os arranjos, até as fotos, foram dois trabalhos distintos, duas vivências diferentes.

3. Você considera esse CD mais pessoal que o primeiro?

(MANU) - Os dois são muito pessoais, porque eu sempre escrevi sobre a minha vida, tudo sempre foi muito autobiográfico, a diferença são as histórias, a idade..No primeiro CD tem canções de quando eu tinha 13 e 14 anos, e o segundo composições de quando eu tinha 19, 20 anos. Essas duas fases a gente muda muito e estamos descobrindo quem nós somos, vivendo diferentes momentos, passando por diversas experiências de vida, de decepções, relacionamentos que não dão certo ou que dão, então eu acho que foram duas épocas muito diferentes da vida e o CD mostra isso, esse amadurecimento e ao mesmo tempo eu continuo escrevendo sobre amor e contando minhas histórias, do jeito que eu sempre fiz. 

4. "Clichê adolescente" é a música que dá nome ao seu disco. Qual o significado desse título?            
(MANU) - É uma brincadeira comigo mesma, com o que escrevo e como as pessoas me veem. Sempre gostei de escrever sobre relacionamentos desde pirralha, quando nem tinha relacionamentos, eles eram completamente platônicos. As pessoas falam que sou muito dramática, que nem tinha sofrido tanto na vida para escrever tanta música de amor. Isso é verdade, mas sempre gostei muito de histórias de amor, sou muito romântica.

5. Você vai lançar seu novo álbum no Teatro Bradesco dia 06 de abril, o que podemos esperar sobre seu show?

(MANU) - Vai ser um show bem diferente por ser em um teatro, acho que da para fazer outras coisas que eu nunca fiz, então eu posso garantir que vai ser um show bem diferente do que a galera que já foi aos meus shows estão acostumadas a ver, e eu to bem animada, quero que seja um lance meio mágico, que dê para sentir realmente as músicas e que as meninas se sintam próximas..Não posso contar muita coisa, se não estraga as surpresas do show, mas acho que vai ser bem legal! (risos) Eu estou me divertindo muito criando tudo!

6. Seus looks para o show, estão preparados? Você que escolheu?

(MANU) - Sim, sou sempre eu quem escolho para tudo, gosto muito de moda e agora minha irmã mais nova está estudando isso, no segundo ano da faculdade, então ela me ajuda bastante, em várias produções ela ja me ajudou e escolheu todas as roupas. Eu confio plenamente nela, então é ótimo.

7. Você fala muito sobre amor nas suas músicas, pra você.. "O que é um amor verdadeiro"?

(MANU) - Então, eu não sei dizer, eu acho que na vida nós temos muitas experiências com o amor, acho que não temos um amor verdadeiro, na vida a gente se depara com várias relações que a gente sente amor e tem amor a outra pessoa! E amor não é só homem é mulher, existem vários tipos de amor e essas histórias sempre me inspiraram muito a escrever músicas! Eu sempre gostei muito de músicas  que contam histórias que realmente a gente viveu, sabe? Que é real, isso sempre me fascinou e é o que mais me inspira.

8. O Chay Suede canta na sua musica SEGREDO, como foi gravar com ele? E a música é para o Chay?

(MANU) - Foi super tranquilo, desde o momento que eu fiz mostrei para o Chay e ele sempre gostou da música e aprendeu a tocar no violão, sempre tocavamos e cantavamos essa música juntos. É uma participação pequena mesmo, ele faz só uma segunda voz no refrão, mas eu achei funtamental, para mim não parecia natural ter a música sem ele, já era meio que a nossa música, que gostavamos de cantar juntos! Daí rolou essa participação e eu fiquei super feliz. (risos)

9. Você cantou com a Dulce Maria, como rolou a ideia da parceria?

(MANU) - Eu conheci a Dulce a 3 anos em um evento aqui em São Paulo, nos Meus Prêmios Nick, que ela cantou e eu também cantei, e ai o produtor dela veio conversar comigo e junto com ela me falaram que me assistiram cantando e que gostaram muito e tal, e fiquei super feliz, ela sempre foi muito querida e o convite veio três horas depois, então foi uma surpresa, como cantora eu sei como é especial você escolher alguém para fazer parte do seu CD, então eu fiquei muito honrada por ela ter me escolhido para participar e fazer uma música em português junto com ela ! Gostei muito!

10. Com quem mais vc gostaria de fazer parceria e que é muito fã?

(MANU) - Que eu sou "fãnzona"? Do Nando Reis. (risos) Sou muito fã do Nando Reis, seria incrível fazer uma parceria com ele algum dia da minha vida.

11. Você está em uma boa fase, lançando CD e gravando a novela! Como vc consegue conciliar as duas coisas?

(MANU) - Bom...Basicamente quando eu estou no Rio, eu estou gravando e quando estou em São Paulo me dedico 100% ao CD, é mais ou menos isso. Até agora está uma correria louca, muito mais difícil do que eu imaginava, so que estou conseguindo levar numa boa! E acho que a personagem por ser cantora ajuda também, não vai me fazer escolher entre fazer uma coisa ou outra, vou conseguir sempre conciliar os dois esse ano.

12. Você se indentifica muito com a sua personagem Paulinha na novela?

(MANU) - Acho meio cedo para dizer, por que ainda está bem no comecinho, as cenas dela são aquelas bem de começo de novela, ainda não tem uma história, não da para entender quem é a personagem e se eu me identifico com ela ou não, mas o lance com a música já rola uma indentificação direta, imediata.

13. Desde de sempre você quis atuar?

(MANU) - Desde sempre, desde criança, essa vontade veio antes da música, desde criança eu fazia aula de teatro, meus pais sempre gostaram disso, porque eles eram atores, eles se conheceram em um grupo de teatro em Campinas, então eles sempre me deram força para isso..Só que com 14 anos eu comecei a compor, e descobri que eu gostava de cantar, que eu poderia levar isso como uma carreira, e como a música acabou dando certo muito cedo para mim, continuei a me dedicar a isso completamente, parei de fazer teste de teatro e essas coisas. Dai passou um tempo e falei "ah, acho que eu consigo conciliar os dois e é o momento de eu focar nos dois", e comecei a fazer teste de novo, ligar para pessoas que eu conhecia e que eu não conhecia (risos) e pedi para fazer teste e me darem oportunidades. Foi rolando aos poucos, eu fiz 3 testes para Em Família, consegui pegar o papel..Então tem um gostinho todo de conquista para mim, é uma coisa que eu realmente lutei para conseguir, então estou muito feliz, aproveitando cada segundo para aprender lá dentro.

14. Como você lida com as críticas?

(MANU) - No começo me chateava demais, eu chorava..Porque imagina, quando você tem 17, 16 anos você não está acostumada a ouvir críticas de ninguém e não está se sentindo bem nem com você mesma, imagina para receber críticas dos outros, então era muito difícil para mim, me chateada realmente, e eu ficava procurando sabe, para ler e ficar ainda mais chateada. Hoje em dia eu posso falar que isso me serviu para o bem, porque para me tirarem do sério e me encomodar com alguma coisa, tem que ser um lance muito sério, não é qualquer comentário que me deixa mal não, eu já me sinto muito mais segura com o meu trabalho e minha capacidade, com quem eu sou..Eu sei que as pessoas sempre vão falar, principalmente na internet, que da voz a todo mundo, então você lê coisas de pessoas ali que falam mal de tudo e de todos, não estão interessados em saber sua essência, em o que você tenta falar e conhecer o seu trabalho, simplesmente estão ali falando mal..Então eu acho que se você ficar levando isso tudo em consideração, você não vive, me sinto mais segura com quem eu sou e não é qualquer comentário que me deixa mal não.

15. Como você se sentiu no primeiro dia de gravação da novela?

(MANU) - Poxa, bateu bastante frio na barriga! (risos) Nosso primeiro dia de gravação foi em goiânia, bateu um medinho nos primeiro momentos, mas os dois atores que estavam contracenando comigo, que são mais experientes que eu, que era o Gabriel Braga Nunes e a Helena Ranaldi foram super queridos, perguntando se eu era nova e se eu e o pessoal que era novo também queriamos passar o texto com eles, se estavamos nervosos..Então eles foram tão fofos e tão dispostos a ajudar que o nervosismo meio que passou nesse primeiro momento e ficou tudo bem! E hoje eu aproveito muito essas pessoas para aprender, nem que seja apenas olhando e vendo o que elas estão fazendo. Principalmente porque é uma rotina muito diferente do que eu estava acostumada.

16.  Quais são seus ídolos?

(MANU) - É difícil dizer, eu gosto de conhecer muita coisa diferente e acho que muitos artistas me inspiram de maneiras diferentes, tendo ou não haver com a música que eu faço, enfim..Admiro pessoas que falam o que pensam nas músicas, que tem uma verdade e querem passar uma mensagem, contar uma história seja ela qual for. Por isso que eu sempre gostei de compositores como a Lily Allen, sou muito fã dela, Bob Dylan também sempre gostei, Nando Reis como eu já falei, é um CD que eu sempre ouço com muito carinho por que minha mãe adorava e eu escutava junto com ela quando eu era pirralha. São essas pessoas, a Taylor Swift sempre foi e é uma referência para mim. Todos esses artistas compõem e falam sobre seus sentimentos e você sente que a música tem verdade.

17. Como você se imagina daqui a 5 anos?

(MANU) - Pô, cinco anos não está tão longe assim, vou ter 26 anos, eu me imagino ainda fazendo o que eu amo e o que me faz sentir completa, feliz. Música e atuação é o que estarei fazendo. Não me imagino com tanto cachorro, por que eu já tenho três e vai parecer que eu tenho uma fazenda aqui em casa, mas me imagino feliz, trabalhando com o que eu gosto, sendo independente, podendo me arriscar, fazendo novas escolhas. Acho que nada muito diferente do que eu estou vivendo agora. (risos)

18. Seus país sempre te apoiaram?

(MANU) - Sim, desde sempre..Como eu já falei, eles eram atores, se conheceram em um grupo de teatro, meu pai ainda segue na carreira artística, já fez várias coisas diferentes..A minha mãe fez faculdade de artes plásticas, então eles sempre foram muito a favor de tudo que a gente queria fazer relacionado a isso.

19. Você tem medo da fama acabar?

(MANU) - Não tenho nenhum medo de acabar, porque eu acho que você so tem medo de acabar quando é um lance sem nenhuma base. Por exemplo, se você não tem talento nenhum e fica famosa por ficar pelada ou por entrar em um reality show, e não tem nada para continuar com a fama, você pode ter medo de acabar. Eu sempre tive a música, sempre gostei de escrever e atuar, então quando você tem algum trabalho, estuda pra isso e se prepara para isso, sempre estando disposto a aprender, acho que você não tem que ter medo, sempre vai ter um lugar reservado para você.

20. O que seus fãs são para você?

(MANU) - Eu tenho um carinho e um respeito muito grande e especial por essas pessoas que estão comigo, que admiram meu trabalho, por que eu sinto que elas realmente gostam de mim pelo que eu amo fazer, que é a música, compor e agora atuar! Realmente elas tem esse carinho por mim, por eu ter começado no YouTube, elas viram isso tudo acontecer na minha vida, todas as minhas conquistas, elas meio que estavam ali junto, acho que isso da outra relação. Eu fico muito feliz de fazer parte da vida dessas meninas nessa fase tão especial que é a adolescência, eu lembro com muito carinho dos meus ídolos da adolescência e sempre vou lembrar! É muito bom saber que eu posso ser isso para essas pessoas, acho muito especial, então eu tenho um respeito muito grande.




Amamos fazer a entrevista, a Manu realmente arrasa! Quem curtiu o bate papo? 

15 comentários :

  1. Adorei....Faz mais posts dessa forma


    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Muito legal a entrevista, adoro a Manu, acho uma fofa... canta super bem e ainda é romântica não sabia que ela tinha uma música com o Chay...

    ResponderExcluir
  3. Legal a entrevista, mas não gosto desse tipo de música... :D

    ResponderExcluir
  4. É sempre bom conhecer um pouquinho dos nossos ídolos, amo as entrevistas... Parabéns ficou ótima!!!!

    ResponderExcluir
  5. Que legal a entrevista, é sempre bom conhecermos melhor os artistas do momento!
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Eu adoro a Manu, ainda não escutei nenhuma música do seu segundo cd, mas me apaixonei pelo primeiro. Já escutei muitas pessoas dizendo que ela era chata, mas pelo visto ela foi bem legal nessa entrevista =D

    Blog: http://worldbehindmywall.fanzoom.net/
    Twitter: https://twitter.com/Blog_WBMW

    ResponderExcluir
  7. Adorei a entrevista. A Manu parece ser muito fofa e simpática. Amei conhecer mais seu trabalho e a pessoa que ela é.Parabéns pela entrevista. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito da entrevista. Eu não conhecia o seu trabalho, mas adorei.

    ResponderExcluir
  9. Sua entrevista está muito legal. Gostei. Não conheço a artista. Também não assisto a novelas, então fiquei meio no ar, por não saber de quem se trata o personagem. Mas no resto, foi legal.

    ResponderExcluir
  10. Adoro a Manu, e quando a vi na novela fiquei surpresa,pois não sabia que ela era atriz. Adorei a entrevista.

    ResponderExcluir
  11. muito boa a entrevista, nem sabia que ela tava na novela.

    ResponderExcluir