Revista Galaxy: Matando a saudade: Banda Restart

15 dezembro 2014

Matando a saudade: Banda Restart


2014 foi um ano cheio de surpresas, né?!

E uma das grandes surpresas que este ano maravilhoso nos deu foi, finalmente, o show de retorno dos meninos da Restart!

Esse show não foi uma simples apresentação, não! O “Contando Histórias” levou pra todos os fãs que estavam por lá detalhes carreira e da vida pessoal dos 4 garotos. Entre uma música e outra, eles contavam curiosidades que nós, aqui da Galaxy, vamos fazer vocês relembrarem:

Os garotos que sempre foram conhecidos pelas roupas coloridas, subiram no palco vestidos de preto, e desde o começo deram a entender que voltaram a fim de ultrapassar qualquer estereótipo. Abriram o show com a música “Happy Rock Sunday”, e “Amanhecer No Teu Olhar” veio logo depois.



“O Meu Melhor” foi a terceira música do setlist, os meninos contaram que essa canção foi composta pelo Koba e pelo Lanza, no quarto do Pelanza. A música seguinte acalmou os ânimos da galera e fez todo mundo suspirar, “Esse Amor em Mim” foi a canção escolhida pra dar tchau às roupas escuras no palco daquela noite.


É isso mesmo: Após uma pausa entre uma música e outra, Koba, Lucas, Lanza e Thomas voltaram ao cenário iluminando os olhos do público com diversas cores no figurino. “Gostaram de nós com calça colorida de novo? Hoje é um dia de tradição né?!” A frase dita de boca cheia pelo Pe Lanza levou a galera ao delírio, mostrando que eles não negam suas origens, mesmo!

Para dar início a essa segunda parte do show, os meninos prepararam algo inesperado. Thomaz se apoderou do microfone principal e começou a cantar a versão original da canção “Recomeçar”, em um ritmo bem mais lento e romântico, mas não demorou muito até Pelu interromper a música e pedir pela versão mais legal, aí começou a versão mais conhecida, ritmo que pediu muitos gritos e pulos.


Entre outras canções clássicas da banda, os garotos pararam pra falar um pouco sobre o último EP que lançaram. “Novas vertentes na composição do novo disco. Nele há um pouco de nossa essência, dignidade, nossa verdade e acima de tudo, mantendo a fé acesa”.

Sobre a atual música de trabalho, Poesia, a Restar pediu que todos pedissem muito nas rádios e contou como ela surgiu. “Estávamos sentados, conversando, e lembramos-nos de muitos poetas que fizeram a trilha sonora de muitos relacionamentos, e então fizemos a nossa homenagem aos poetas”.


Nenhum comentário :

Postar um comentário