Revista Galaxy: Resenha "Dois rios"

19 outubro 2014

Resenha "Dois rios"

Sinopse:


Harper Montgomery vive ofuscado pela tristeza. Desde a morte de sua mulher, há 12 anos, ele aprisionou-se em uma pequena cidade, Dois Rios, onde todo mundo se conhece, porque ali — justifica-se — poderia criar melhor sua única filha. Atormentado pelo desgosto, Harper prefere esconder-se. Mas a verdade é que a morte de sua mulher é somente um dos motivos de sua dor. Além de sofrer por sua perda, ele se sente culpado por um ato abominável: quando mais jovem foi cúmplice de um crime brutal e sem sentido. Há muito sentimento em jogo quando se trata de sua vida cheia de remorsos... Então, um acidente de trem oferece a Harper a chance de redenção: uma das sobreviventes, uma menina de 15 anos, grávida, precisa de um lugar para ficar, e ele se oferece para levá-la para casa. No entanto, a aparição dessa menina, Maggie, não tem nada de simples acaso, talvez, ela tenha alguma coisa a ver com o crime do qual ele participou um dia...

Harper cuida de Shelly sozinho, e na véspera de Shelly completar 12 anos, ele viu que era hora de se mudaram.
Harper trabalhava na repartição de cargas da estação de trem e, no dia do aniversário de Shelly, soube que havia acontecido um acidente. Um trem teve diversos vagões virados e um deles até chegou a cair no rio. Após entrar no vagão e ver um corpo boiando, foi se sentar embaixo de uma árvore para não se sentir tão mal, pois nesse mesmo rio, há muuuito tempo, ele viu um homem morrer. Ele leva um susto após ver uma menina grávida, negra, adolescente, perguntando como ele se chama, e depois pede que por favor ele a ajude. Ele resiste em levar a menina para casa por vários motivos: pode ser um problema levar uma sobrevivente, ela está grávida, não sabe onde está os pais ou o tio, e tem uma filha pequena em casa. Ele acaba aceitando, e dizendo que em breve falará com o pai dela.
Mas Maggie e sua filha se tornam amigas, e apesar de Maggie ser nova, ela se dava bem cuidando da casa e também tomando conta de Shelly.
A autora conduz a história de um jeito que eu não gosto muito...alternando presente com passado. Eu particularmente me confundo bastante com isso e acho entediante, mas, tudo bem. Ela mostra Harper viúvo e cuidando de sua filha com a chegada de Maggie, e também conta o passado, onde conhecemos a esposa dele até o nascimento de sua filha.
A história de Harper emociona o leitor, despertando na gente vários sentimentos diferentes.

Gostei principalmente desse livro por ele deixar bem claro que as situaçõs mudam a gente ao longo da vida, seja pra melhor ou pra pior.

Vocês já leram esse livro? O que acharam dele?

19 comentários :

  1. A história é envolvente e empolgante. Goste de histórias emocionantes e emotivas como essa. Tem tudo pra me agradar. Vou tentar ler. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. O livro parece ser bom, história bem emocionante, fiquei bastante interessada em ler.

    ResponderExcluir
  3. Primeitamente achei a capa belíssima.Fiquei muito curiosa sobre o papel que Maggie terá na vida deles,quero tb saber se ela reencontrou a família e de que forma.E se ela é quem diz ser.E o que Harper fez de tão grave, será que foi o reonsável pela morte da eposa?? mesmo que indiretamente??Minha cabeça está lotada de perguntas. Preciso ler o livro urgentemente.Gostei muito de sua resenha,parabéns.bjs

    ResponderExcluir
  4. Nossa, eu nunca tinha ouvido falar nesse livro mas me pareceu tão bom. Me pareceu ser um daqueles livros que a gente quer ler devagar pra absorver tudo o que ele tem. Fiquei bem curiosa.

    ResponderExcluir
  5. Cara eu amo sofrer! serio eu leio mais livros em que o personagem sofre e que tenha um passado ou segredo que quando revelado você não consegue ficar sem chorar. Acho que este livro é assim. Fiquei bastante curiosa a seu respeito. A capa é bem bonita. Beijos <3

    ResponderExcluir
  6. Meu Deus!! Faz um tempão que estou querendo ler esse livro, mas nunca tenho a oportunidade de comprá-lo!

    ResponderExcluir
  7. Faz um certo tempo que tenho interesse de poder ler esse livro, a trama que ha nele e algo que me chamou atenção. Espero poder ler logo pois agora fiquei ainda mais curiosa para ler!

    ResponderExcluir
  8. A capa é linda e ter personagens envolvidos em tantas passaram por tantas dores e mistérios, dá vontade de saber como será a história! Fiquei curiosa!

    ResponderExcluir
  9. hummmmmmmmmm...
    fiquei curiosa, a história parece ser interessante.
    vou ler!!!

    ResponderExcluir
  10. Amei a capa do livro, mas fiquei meio receosa em ler, como vc falou que a narração vai alternando do presente para o passado, todos que li assim me deixaram mto confusa!
    Acho q o leria apenas pela capa!

    ResponderExcluir
  11. Que capa maravilhosa,da vontade de entrar no livro pela capa.Gosto dessas alternancia de tempo passado e tempo presente, me instiga a imaginação.Fico imaginando como seria nas telonas.

    ResponderExcluir
  12. Impressionante! Ainda não li, mas esse livro parece ser comovente. A resenha me fez adicionar Dois Rios à minha lista de leituras.

    ResponderExcluir
  13. Gosto de histórias com lições de vida, a vida de Harper é bem triste já no início do livro e vive escondido, parece ter bastante reviravoltas pela garota ser uma ligação com seu crime passado, bem tenso mesmo! E realmente nossas vidas podem mudar com escolhas e ter caminhos diferentes, como citado "para o melhor ou o pior"...
    Beijos Amanda, ThaynáQ.

    ResponderExcluir
  14. Oii, nossa parece muito bom, ainda não conhecia esse livro, mas fiquei com um Q de vontade! Beijos

    ResponderExcluir
  15. Gosto de histórias assim, só que com boas divisões, porque senão a pessoa se confunde mesmo. Gostei do enredo do livro, ele é bom, vou colocá-lo na minha lista :))

    ResponderExcluir
  16. Oi! Não conhecia este livro mas não me interessei muito, infelizmente...acho legal estórias alternadas entre passado e presente e parece ser mesmo uma estória emocionante mas por enquanto não me interessou. :)
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Estava com receio desse livro, já que o pessoal não tinha gostado muito de "Um Mundo Brilhante"... É bom saber que "Dois Rios" é um livro surpreendente, mesmo com os receios, achei a capa dele muito bonita e deu aquela vontadezinha de tê-lo na estante.

    Bjs!
    =]

    vsg_caue@hotmail.com

    ResponderExcluir
  18. Adoreei a capa do livro, trás uma sensação positiva, além da paisagem ser bem bonita! =D Também achei a história interessante por isso, já está na minha lista.. :]

    ResponderExcluir
  19. Parece ser uma história bonita, que nos faz refletir sobre nossos atos do passado e como isso afeta nosso presente e futuro.
    Também não gosto muito quando num mesmo enredo passado e futuro ficam se intercalando a todo momento.

    ResponderExcluir