Revista Galaxy: Lançamento do DVD de Anitta.

05 junho 2014

Lançamento do DVD de Anitta.



Anitta esteve nessa quarta (04) em uma coletiva de imprensa para divulgar o seu DVD "Meu Lugar", cujo foi gravado no HSBC Arena Rio, em um show que reuniu 10 mil pessoas, é o primeiro DVD ao vivo da cantora e ela parece estar bem animada com o lançamento.

O projeto começou a ser discutido 8 meses antes da gravação e foi uma loucura, Anitta disse que queria que tudo ficasse como ela estava imaginando em sua cabeça.

"Eu me meto em tudo que acredito conhecer. Gosto que toda parte do DVD tenha minha cara. Foram oito meses de produção. Me meti bastante no cenário, mas tive profissionais incríveis que fizeram com que o DVD ficasse exatamente como imaginei na minha cabeça. Quando vejo que minha equipe sabe melhor, e alguma ideia pode ter sido uma viagem, tenho profissionais para dizer o que é legal. Por isso gosto de ter muita gente na minha equipe. Quando a gente quer fazer tudo sozinho, acaba se atrapalhando", diz Anitta.






A cantora contou que ela é muito 8 ou 80, querendo dizer que consegue ser divertida, mas que consegue ser muito chata, como sua música diz ela pode ser Meiga e Abusada, e foi isso que ela quis mostrar no DVD, colocar sua personalidade ali foi algo de muita importância para ela, cujo cenário é uma brincadeira entre o Céu e o Inferno, tudo se transforma no decorrer do show, no começo o ambiente é um inferno e ele vai ser tornando o céu.

"Eu consigo ser uma pessoa completamente louca e ao mesmo tempo uma pessoa seríssima. Eu queria contar um pouco disso. Eu sou assim desde criança, mudo o tempo inteiro. Eu queria isso: mostrar o oito e oitenta, o meiga e o abusada, como diz a música [...] Eu estava buscando ideias sobre o que fazer no meu DVD, e quando eu olhei o meu logo, que tem uma asinha e um rabinho, eu pensei: 'gente, é isso, tudo a ver!"
                             

                          

Foram 8 horas de ensaio por dia para o DVD, cujo tem participação especial do Projota, que apresentou para ela a música "Cobertor". "O clipe já tem 3 milhões em menos de três semanas. Está todo mundo muito chocado com isso. Foi uma parceria que deu muito certo", conta. 



Quanto aos fãs ela disse que se sentiu muito feliz ao poder cantar uma música composta pela fã Letícia e ficou emocionada quando todos começaram a cantá-la, além de que ela viu fãs acampados por uma semana para o show. "Isso é uma coisa que nos deixa feliz. Teve um dia que levei cachorro quente para eles. Tem isso no DVD. Depois comi o cachorro quente deles também".


E mesmo com todo seu sucesso, Anitta diz que "rejeição é natural". "Todo mundo tem rejeição na vida. E não tem como ter muito número de aceitação sem ter muita rejeição. É uma coisa normal na internet, lá você não tem rosto, nem sempre pode ser levado em consideração. Na vida real as pessoas são sempre carinhosas, os shows são sempre cheios", conta. "Quase chorei (ao entrar no palco), mas eu lembrei que, se eu chorasse, eu ia cantar mal do início ao fim, porque quando chora a voz fica uma desgraça", desabafa. Ela também diz que não houve estranhamento após sua cirurgia no nariz. "Eu fui para a Europa e os fãs me reconheceram do mesmo jeito".



Ela falou um pouco sobre como foi conhecer os meninos de One Direction, que vieram ao país em maio. "Tenho amigos em comum e, quando vieram para o Brasil, um amigo comentou com eles do meu trabalho e falou que eles quiseram conhecer. Foi bem legal. De vez em quando falo com o pessoal, mas sempre normal".

CARREIRA INTERNACIONAL E REFERÊNCIAS
Anitta afirma que "Mariah Carey é uma inspiração", assim como Rihanna, que ela define como legendária e que "vai fazer história". Sobre se usaria a roupa transparente que Rihanna vestiu recentemente em um evento, ela fica em dúvida: "Tem que ter coragem. Não sei, depende".


A cantora chegou a ir para a Europa fazer shows e disse que se sentiu como se fosse seu "começo de carreira". 

"A gente [ela e equipe] foi está aproveitando o que aconteceu na nossa carreira. Nós não esperávamos ter um trabalho internacional, então quando aconteceu foi completamente espontâneo. Na Espanha, Show das Poderosas toca muito. A gente aproveitou e foi", ela explica. "É muito difícil entrar no mercado espanhol. A gente conseguiu, 
espontaneamente, entrar na maior rádio da Espanha, Los 40 Principales. Eu estava em uma reunião com a minha gravadora e a representante internacional disse: 'você conseguiu uma coisa que a gente luta pra fazer, que é colocar pra tocar na Los 40 Principales. A gente nem pediu e eles tocaram'", ela lembra. "O presidente da minha gravadora lá na Espanha que chamou para fazer um trabalho lá".

"Fui pra Espanha, fiz dois shows lá, foi bem legal. Claro que dentro da minha realidade. Eu estou começando. Foi um começo. Eu me senti há quatro anos atrás quando eu estava começando aqui no Brasil". Anitta conta, ainda, que está fazendo um curso de espanhol. "Da primeira vez eu não sabia nada [de espanhol], fiquei perdida, me senti um zero à esquerda. Dessa vez eu já cheguei falando", comemora.

FINAL

De acordo com a descrição do DVD, há diversos estilos de danças e na moda como Versace e Dior, figurinos dos quais cada troca de roupa tinha que durar dois minutos e meio. "Eu queria muito dançar, e, para ser um figurino de dança, precisa ser uma coisa bem leve. Quem assistir ao DVD vai ver o que aconteceu no dia do show, sem parada", afirma. "O balé também trocava de roupa. Imagina 30 pessoas no backstage trocando de roupa juntas. Foram 500 pessoas no total trabalhando nisso", diz. espaço também para o "universo soturno das eras medievais", estilos de dança como tango e hip hop, ícones da moda como Versace e Dior, figurinos dos anos 1980 e para o mito da Caixa de Pandora. Além da apresentação de 1h20, "Meu lugar" tem 30 minutos de extras, com bastidores da produção.



Corram para comprar o DVD de vocês e não esqueçam que tem show da Anitta em São Paulo dia 14 de Junho!!!

Nenhum comentário :

Postar um comentário